terça-feira, 22 de setembro de 2015

O que te faz rir?

  Nesses dias de hoje, será que o riso tornou-se mais difícil? A grande quantidade de informações que as pessoas tem acesso, a grande quantidade de humoristas e piadas, será que isso tornou o riso algo mais difícil? O riso virou exigente? As clássicas piadas dos livros de anedotas perderam pro stand-up e pra TV? Como é rir nos dias de hoje?
  Tenho acompanhado algumas séries durante anos, especialmente as comédias. Adoro as sitcons do seu jeito mais puro: claquetes, cenários fixos e risadas gravadas em separado. O humor de séries como How I Met Your Mother (a melhor na minha opinião!) e Big Bang Theory fazem parte da minha história. Mas atualmente, as séries não me trazem tantos risos. 
 Andei acompanhando a série Undateable (Os Impegáveis? WTF, Warner?). Um humor bem equilibrado, onde cada ator em cena tinha suas piadas características. A partir da 2ª temporada, tudo passa a ser ao vivo, o que me faz desligar a TV. Penso em voltar a assistir a outrora ótima 2 Broke Girls (não vou reclamar do título brasileiro novamente), onde a sempre mal humorada Max (Kat Dennings) tem uma resposta pra tudo, com ironia, sarcasmo e referências bizarras. A série perdeu um pouco o tom na última temporada, o que me também tirou o interesse. 
  Das que ainda são exibidas, Big Bang Theory é a que eu mais acompanho. Humor nerd, cheio de referências e situações bizarras, que me faziam chorar de rir! Infelizmente a série passou a ser focada em relacionamentos, romances e todo aquele "blá, blá, blá" que a gente acompanha no cinema e em outras produções. Por que não continuar fazendo diferente? Os personagens cresceram, eles dizem. Tá, ok. Mas por que parar com as piadas nerds? Os personagens foram perdendo suas características, tornando-se mais normais, mais "Leonard". Queria muito ver aquele humor "pré 6ª temporada": rápido, geralmente sem noção e que te deixa rindo por vários minutos. Cadê o timing, Chuck Lorre? Andou lendo histórias românticas?
  Enfim. Esse texto foi apenas um devaneio de madrugada, algo que eu passei a refletir enquanto lia algumas notícias. Só falei de sitcons e comédias americanas porque é o que eu mais acompanho. Um dia, quem sabe, eu fale do humor brasileiro. Que também tá meio pra baixo, por assim dizer. É isso aí, esse foi mais um Chewie Opina! Não sejam fanboys e só atravessem no sinal vermelho!  

Espero muito da 9ª temporada, Dr. Cooper! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário