sábado, 12 de novembro de 2016

Kamen Rider Ex-Aid - Riders e jogos - Parte 1

  Olá pessoal! Hoje começo uma pequena série semanal sobre Kamen Rider Ex-Aid. Falarei um pouco sobre os personagens principais e dos jogos referentes aos seus poderes! Sim! Kamen Rider Ex-Aid é uma série baseada em jogos clássicos da era 16 bits. Se você ainda não sabe muito sobre a série, clique aqui. Vamos começar.

Kamen Rider Ex-Aid (Hojo Emu)

  Começando pelo protagonista da série, Emu. Ele é um médico estagiário da área pediátrica, extremamente cuidadoso com seus pacientes, porém altamente desajeitado para praticamente qualquer outra coisa. Além de médico, Emu também é conhecido como M, um jogador de nível genial. Junto com a equipe do Hospital da Universidade de Seito, Emu combate os Bugsters, usando o poder do Kamen Rider Ex-Aid através do Gamer Driver. 

                                                     Hojo Emu, o Kamen Rider Ex-Aid!


  O Kamen Rider Ex-Aid é baseado nos jogos clássicos de ação e plataforma. O jogo de seu Gashat (cartucho especial) é o Mighty Action X, jogo em estilo plataforma, onde o herói atravessa as fases com poderosos saltos e com o seu martelo coleta power ups dos blocos e derrota os inimigos. Sua arma, o Gashacon Breaker, permite que ele quebre os blocos espalhados pelo cenário gerado, coletando moedas e Power Ups, que aumentam o seu poder durante a batalha.

                                 Kamen Rider Ex-Aid no Level 2, utilizando o Gashacon Breaker.


Top 5 dos jogos referentes ao Kamen Rider Ex-Aid.

5° Kid Chameleon (Mega Drive, 1992)




  Talvez um dos jogos mais difíceis de sua geração, Kid Chameleon foi lançado para o Mega Drive (Sega Genesis) em 1992. No jogo, o personagem Kid Chameleon quebra blocos de pedra e pode ganhar novas formas, com poderes específicos. O jogo é bem longo, possuindo mais de 100 fases, mas as fases possuem portais escondidos que levam o personagem para diversas fases a frente. É possível terminar o jogo rapidamente, mas não é nada fácil! 

4° Super Castlevania IV (Super Nintendo, 1991)


  Versão americana do Akumajo Dorakuya, o jogo conta a história de Simon Belmont, caçador de vampiros de uma longa linhagem, dedicada a caçar o Conde Drácula, o maior de todos os vampiros. As fases do jogo são partes do castelo, que você deve atravessar até encontrar Drácula e levá-lo ao seu repouso eterno. Este clássico do Super Nintendo é um dos melhores jogos da franquia, que até hoje tem jogos nos consoles mais recentes. Castlevania é uma série clássica, que faz parte da história dos vídeo games!

3° Kirby Super Star (Super Nintendo, 1996)


  Kirby é um dos mascotes da Nintendo, bem como um de seus personagens mais marcantes, tendo sua presença em vários jogos crossover da empresa. Originalmente, Kirby tem o poder de "comer" os seus inimigos, absorvendo suas habilidades, que são bem variadas. Com o objetivo de proteger a Dream Land de diversos inimigos, Kirby voa em sua estrela para combater o mal.



2° Sonic the Hedgehog 2 (Mega Drive, 1992)



  Em sua segunda aventura, Sonic, o ouriço mais rápido do mundo, tem que correr a toda velocidade para deter o malvado Dr. Eggman e o seu plano de reunir as Esmeraldas do Caos para transformar os animais em seu exército de robôs. Junto com o seu novo amigo Tails, Sonic deve combater o mal usando o seu poder. Um clássico da era 16 bits. 

1° Super Mario World (Super Nintendo, 1990)


  O personagem número 1 da Nintendo, Mario é o encanador gordinho e bigodudo que protege a Princesa Peach e o reino de Toadstool do terrível Bowser e seu exército de Koopa Troopas. Super Mario World é a jornada do Mario para resgatar a sua Princesa, ao lado do seu irmão Luigi e do seu parceiro Yoshi. Um dos jogos mais vendidos da história, Super Mario World é o ápice de uma longa franquia. 

  E aí? O que acharam da lista? Colocariam algum jogo nesse top 5? Bem, por hoje é só. E lembrem-se: não sejam fanboys, só atravessem no sinal vermelho e que a Força esteja sempre com vocês. Até mais! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário